O Novo Normal já é realidade em Apiacás no Mato Grosso

Muita Alegria pelo retorno, e bem vindo a todos e todas, vamos nos abraçar, comer , beber e dizer obrigado Deus, pelo retorno ao normal, era essa expressão de alegria nas centenas de pessoas que comapreceram ao grande torneio..

O mundo de forma em geral há mais de dois anos esperava o momento de poder declarar a chegada do novo normal. Todo planeta pagou caro até agora pelas consequências do trágico surto de PANDEMIA indesejada denominada de COVID/19.

Foram momentos difíceis vivenciados pela população brasileira e de dive

GENTE BONITA
Mulheres bonitas deram um tom todo especial ao retorno das comemorações do novo normal-Parabens Santa Terezinha por tanta mulher linda. aqui são todas orgânicas e belas.

rsos outros países, principalmente quando um problema de saúde mundial tomou proporções políticas e politiqueiras. Como aconteceu no Brasil cujas indefinições perduram até hoje.

Após os milagres causados pelas vacinas fabricadas em tempo recorde, quando milhares de vidas já tinham sido ceifadas, o contra-ataque cientifico funcionou.

Os novos tempos, deu a ciência a habilidade de adotar procedimentos de emergência e conseguir realizar descobertas capazes de contra atacar o monstro sutil e quase invisível denominado vírus da covid/19.

Hoje, após tantas incertezas, a sabedoria, a humildade, muito trabalho e responsabilidade das autoridades comprometidas com o próximo foi o segredo para que populações inteiras não tivesse sido devoradas pela pior moléstia do nosso século o CORONAVIRUS.

Graças a independência concedida pela corte maior deste país, em que cada Estado da Federação, cada município deveria se responsabilizar por sua realidade, foi que essa tragédia não teve consequências piores. Pois, há de se aceitar que se o controle do combate a esta guerra contra o CORONAVIRUS tivesse sido de responsabilidade exclusiva do Executivo Federal, com certeza muito mais vidas teriam sido ceifadas no Brasil.

Parece irônico, mas um dos piores mal exemplos do planeta foi dado pelo mandatário maior do Brasil, que se quer teve a humildade de se inclinar para a ciência e tomar qualquer uma das vacinas que salvou tantos milhares de vidas neste país.

Dito isso, queremos usar deste artigo para agradecer a Deus pela vida dos cientistas que conseguiram colocar as vacinas a disposição das nações que com responsabilidade respeitaram e proporcionaram o quanto antes a imunização de seus habitantes.

Embora saibamos que a vacina pode não ser cem por cento e totalmente capaz de dizimar o vírus da doença maléfica. Importante é, contra atacá-la com os meios disponíveis é o mínimo que os gestores públicos tem a obrigação de fazer.

Os resultados estão ai, onde houve trabalho sério e responsável o novo normal e tão desejado está chegando mais cedo. Essa semana tivemos a honra de registrar essa realidade, num longínquo município do Brasil situado no Centro Oeste brasileiro.

No município de Apiacás, Estado do Mato Grosso, pequena e acolhedora cidade mato-grossense, onde atua uma das Secretárias de saúde mais competente do Brasil, a pernambucana Fabiana Pessoa, graças a seiu trabalho e de sua equipe, com apoio do prefeito Julio Cesar, até as comunidades já puderam retomar suas comemorações coletivas.

A comunidade Santa Terezinha na Gleba Arumã, município de Apiacás reuniu no domingo (15), centenas de pessoas em um torneio de futebol suíço, regado a um suculento churrasco e muita cerveja gelada, muita confraternização de famílias que há mais de dois anos não podiam se reunir em solidariedade, ante as regras de isolamento por causa da Pandemia Mundial do Covid. /19.

Parabéns Apiacas, pela gestão responsável de seus administradores, principalmente das Secretarias de Saúde e Social, desse município, que de fato tem  como prioridade o bem estar de sua clientela.

A comunidade Santa Teresinha agradece a todos que compareceram a esta festa de recomeço do novo normal.

Por Lira Netto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 + dezenove =