Feira Livre de Alta Floresta teme novo fechamento

Foto Ilustrativa
Todos cuidados recomendados pela Saúde Pública..

O mais tradicional ponto de encontro dos Altaflorestenses. A Feira Livre.  Mesmo com um número de consumidores reduzido nos últimos domingos, a situação vem sendo remediadora para os que dela dependem. Em especial, os produtores da agricultura familiar do município e região. Já que, os que mantêm suas bancas no recinto, não são só produtores do município de Alta Floresta. Dentre eles, há muitos produtores de Carlinda também.

Foto Lira Netto
Número de consumidores reduzidos, por precaução…

E natural, que como todos os estabelecimentos comerciais neste momento de pandemia do CORONAVIRUIS, a Feira Livre também tivesse baixa na sua economia, menos frequentadores, menor o número de consumidores. Os responsáveis pelo funcionamento da feira como se pode observar, tem tomado todas as medidas recomendadas pelas autoridades da saúde pública, mas a continuidade do funcionamento da Feira depende do declínio dos casos registrados no município e da determinação do gestor Asiel Bezerra, nos próximos dias. Ou próximas horas.

A Feira Livre de Alta Floresta é a maior do extremo-norte de Mato Grosso e o normal de seu funcionamento é de mil a mil e quinhentos frequentadores por domingo. Um número que reduziu consideravelmente, após as providências para controlar o distanciamento na movimentação de pessoas e o cumprimento das regras sanitárias estabelecidas pelas autoridades de saúde pública do Município e do Estado.

Nossa reportagem registrou no último final de semana, a preocupação de vários feirantes com o possível fechamento da feira mais uma vez.

Embora a autoridade gestora do município tenha pleno conhecimento da importância da Feira Livre funcionando, a qual representa a única fonte de renda de muitas famílias da agricultura familiar. Também é preocupação da Administração Municipal poupar a vida de seus munícipes.

A Feira Livre de Alta Floresta é uma tradição de produtos fresquinhos do campo, desde o frango caipira, ovos, frutas, temperos, bolos, queijos, caldo de cana o que de melhor você imaginar da roça.

A preocupação com seu possível fechamento não é só dos feirantes e das autoridades gestora do município, mas também, de seus frequentadores. Em tempo de paz, em tempo de bonança ao visitar Alta Floresta, não deixe de visitar este cartão postal da cidade que funciona nos tempos normais, em todas as manhãs de domingo.

Por Lira Netto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 + 6 =