A Nova forma de escolher políticos pelo eleitor brasileiro

Leonice Klaus, uma testemunha de que o eleitor brasileiro do século 21 começa mudar sua forma de escolher seus políticos. Foto e texto/ Lira Netto

Em entrevista a nossa reportagem, ao final de mais uma sessão Legislativa a vereadora falou um pouco sobre sua experiência inicial na política, com apenas sessenta dias de trabalho como vereador.

De característica humilde com nada menos que 33 anos de serviços como servidora pública municipal, mais precisamente voltados para o setor social e mais ligado a saúde pública. Leonice Klaus, hoje como vereadora é mais uma reposta positiva de que o eleitor brasileiro não está mais tão desatento a política como observávamos em anos recentes.

Acabou a era de currais eleitorais e da troca de votos por telhas, tijolos, uma notinha de cinquenta reais e outras tramoias que já existiu na política brasileira.

Agora, mais do que nunca com a força da tecnologia e o amadurecimento dos eleitores comprometidos, esta nova célula vem se multiplicando e a tendência é que os novos representantes do povo brasileiro em um período não muito longo serão escolhidos por suas qualidades, dignidade e comprometimento com o bem estar coletivo.

Leonice trabalhou nada menos que 16 anos em uma creche municipal e na APAE nada menos que 14 anos. O que se pode entender que a chegada da vereadora a tribuna do legislativo hoje é fruto de muita dedicação e trabalho. Nada menos recebe esse mandato como um troféu nas centenas de famílias que acolheu com muito carinho.

Mais uma vez, é muito satisfatório lembra na inesquecível frase do último bandeirante do século XX.  O saudoso Ariosto da Riva. “Ao trabalho nada resiste.”. Segundo a vereadora a iniciativa de se candidatar vereadora foi uma solicitação das camadas socias da qual esteve envolvida.

E como se percebe na sua correria do dia a dia, Leonice Klaus, continua digna da honraria que recebeu, sua cadeira na Câmara Municipal de Alta Floresta, onde representa muito bem a mulher altaflorestense juntamente com a vereadora Ilmarli Teixeira, inquestionável defensora do segmento educacional.

Com certeza a mulher continua muito bem representada no Legislativo de Alta Floresta e para o bem de todos nós, outras virão por aí.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × quatro =