Em vídeo, filho de Bolsonaro fala em ‘não se dobrar’ ao STF

Campanha ‘digite 432%’ chama atenção para patrimônio de Eduardo Bolsonaro

Após causar indignação em ministros do Supremo Tribunal Federal ao desmerecer a instituição e dizer que basta um soldado e um cabo para fechar à corte, Eduardo Bolsonaro protagoniza outro vídeo.

Em gravação durante uma audiência pública na Comissão de Ciência e Tecnologia da Câmara dos Deputados sobre voto impresso, o filho do presidenciável do PSL novamente criticou o STF.

“Eu acredito que caso o próximo presidente venha a tomar medidas e aprovar projetos que sejam contrários ao gosto desse Supremo, eles vão declarar inconstitucional. E, aqui, a gente não vai se dobrar a eles não. Eu quero ver alguém reclamar quando estiver no momento de ruptura mais doloroso do que colocar dez ministros a mais na suprema corte. Se este momento chegar, quero ver quem vai para rua fazer manifestação pelo STF, quem vai pra rua dizer “ministro X, volte, estamos com saudades”, disse.

Ibope: Bolsonaro aparece com 57% e Haddad 43%
Pai de jovem morta diz que votar em Bolsonaro é ‘falta de caráter’
Vamos acabar com coitadismo de nordestino, de gay, de negro e de mulher, diz Bolsonaro

O vídeo foi publicado no próprio canal do Youtube do deputado. “A gente brinca aqui que juiz acha que tem o rei na barriga e que o ministro da Suprema Corte tem certeza que tem o rei na barriga. Tem que mudar isso daí”, esbravejou.

Eduardo Bolsonaro já pediu desculpas pela declaração sobre fechar a Suprema Corte. Jair Bolsonaro também pediu desculpas pela declaração do filho e disse que “tinha advertido o garoto”.

Fonte: yahoo noticias
Postagem para o LN
N.Lira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *